Imagem da Microsoft-autista-google

MICROSOFT VS GOOGLE: NA PROCURA GLOBAL DE PESSOAS AUTISTAS

Last Updated on 13 setembro, 2021 by Enoc Sejas

Microsoft, a gigante tecnológica, dedicada a programação de software, liderada pelo filantropo Bill Gates, começou, em 2015, a procura de pessoas autistas ao redor do mundo com o intuito de as capacitar. Logo após, passaram a integrar os seus programas de desenvolvimento de software.


Também a Google está financiando um projeto controverso sob o autismo, em conjunto com a fundação Autism Speak.

Este projeto iniciou em 2014, e tem a meta de sequenciar o genoma de 10.000 indivíduos em famílias afetadas com autismo, para então usar essa “base de dados” com diferentes fins tecnológicos e médicos.

Aqui no Brasil a Especialisterne, vai começar a capacitar pessoas autistas desde o proximo mes, nas sua sede em São Paulo.

Esta empresa multinacional danesa é parceira de muitas companhias tecnológicas na formação de pessoas autistas para sua posterior incorporação laboral.

O que é o Autismo?

Dentro do universo do espectro autista, existem pessoas com diferentes graus de comprometimento de suas habilidades cognitivas, sociais e de locomoção, alguns deles encontrando-se fortemente afetados, enquanto outros não.

Os graus do Transtorno do Espectro Autista [TEA] são definidos pelo Manual Prognóstico e Estatístico dos Transtornos Mentais [DSM, por sua sigla no inglês].

O diagnóstico conhecido como Síndrome de Asperger, os mais funcionais do espectro autista, foi eliminado em 2013 na publicação do DSM V.

O novo termo que a identifica passou a ser Desordem do Espectro Autista de Nível 1, sem a presença de anomalias intelectuais ou verbais.

Nesta nova classificação, o TEA é definido em três níveis:

  • Sendo o nível 1, o mais leve [síndrome de Asperger],
  • Nível 2, entre médio e moderado e
  • Nível 3, considerado o mais severo [autismo clássico de Kanner].

Por que a procura de pessoas autistas por parte de empresas tecnológicas?

Google, Hewlett-Packard, Microsoft, Oliver Wyman, SAP, Ultra Testing ou Towers Watson são algumas das empresas que já têm pessoas autistas trabalhando.

E por que razão? Simplesmente por suas altas capacidades de memorizar, fazer cálculos matemáticos, além da capacidade de concentração acima da média, o que facilita que eles possam detectar erros de software facilmente.

Sua capacidade de detectar erros está entre 20 e 56% acima da média, segundo Rajesh Anandan, diretor da Ultra Testing, firma dedicada a avaliar softwares.

Inclusive, 80% do pessoal desta firma padece de algum grau dentro do espectro autista.

La multinacional alemã SAP [System, Applications and Products in Data Processing] tem 100 autistas trabalhando com eles.

“Preferimos enxergar nas habilidades únicas de cada pessoa ao invés de suas limitações”,

Afirma na sua página essa empresa tecnológica.

Por outro lado, a SAP tem em andamento o conhecido programa Autism at Work. “Acolhendo as diferenças, impulsionamos a inovação e a mudança”, diz o slogan desse programa de sucesso.

A Especialisterne, ponto neurálgico entre o autismo e as empresas tecnológicas

Grande parte deste sucesso se deve à empresa social Especialisterne, firma com escritórios centrais na Dinamarca, concebida e dirigida por Thorkill Sonne, profissional da informática e pai de Lars, um filho com Síndrome de Asperger.

O site oficial da Especialisterne, menciona orgulhosamente seus logros alcançados até hoje nos seguintes parágrafos:

Quando visitamos os nossos clientes, comentamos da excepcional qualidade, rendimento e motivação que nossos consultores têm para realizar tarefas como:

  • No tratamento de dados,
  • Documentos e imagens,
  • Em testes de software de todo tipo ou em análises de dados de big data.

Em todas essas áreas nossos consultores proporcionam um rendimento acima da média que, além disso, cresce com o tempo.

São precisamente nestas tarefas, onde os trabalhadores “normais” cometem mais erros ou perdem a sua motivação, que nossos consultores têm melhor desempenho.

Assim, contratar os serviços de Specialisterne é uma aposta em uma gestão inteligente baseada no talento, que procura situar os melhores profissionais em cada vaga e abraçar a diversidade como algo que traz valor à empresa.

Além de critérios de produtividade e de gestão baseados no talento e na diversidade, nossos clientes costumam caracterizar-se por serem empresas socialmente responsáveis.

Nos últimos anos, a Specialisterne assinou acordos locais e globais com empresas como:

SAP

Em maio de 2013, a Specialisterne assinou um acordo global com a SAP para proporcionar oportunidades de emprego para pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) em vagas de testes de software, controle de qualidade e programação.

Leia a nota de imprensa ou assista a os vídeos sobre o programa piloto na Índia e sobre o programa Autism at Work da SAP para contratar um total de 650 pessoas com TEA até 2020.

Everis

Esta multinacional espanhola, parte do grupo NTT Data, destaca a motivação e a qualidade de nossos consultores nesta notícia e no vídeo associado.

Hewlett-Packard

A Specialisterne colabora com a HP e o governo da Austrália em um programa para formar e proporcionar trabalho a adultos com TEA em tarefas de testes de software. Com o projeto piloto, a HP já contratou 11 pessoas.

Agbar

A Specialisterne colaborou com a empresa Agbar no desenvolvimento do App de praias iBeach, sendo a responsável pela localização, coleta e padronização das informações da maioria do total de 18.000 praias. Leia a notícia para conhecer mais detalhes do projeto.

Sogeti – Cap Gemini

Este vídeo (minuto 5:40) mostra o trabalho de testes de software que consultores da Specialisterne realizam na Espanha para Sogeti.

Empresa especializada em Software testing que forma parte do grupo Cap Gemini.

Deloitte

Os consultores da Specialisterne participam do desenvolvimento de software para esta grande firma de auditoria, consultoria, assessoramento financeiro, gestão de riscos e serviços fiscais e legais.

Avnet

Diversos consultores da Specialisterne Espanha monitoram diariamente servidores SAP para o grupo Avnet, fruto do primeiro acordo com esta empresa, que ocupa a posição 117 no ranking 500 da Fortune.

Microsoft

Microsoft iniciou um projeto piloto com a Specialisterne em Redmond, Estados Unidos. Em 2015.

Microsoft lanço um programa piloto para contratar pessoal autista, para logo estes trabalhar em sua sede no estado de Washington.

“Cada indivíduo é diferente, alguns tem uma incrível habilidade para reter informação, pensem no nível de detalhe e profundidade em matemáticas ou codificação. É um foco de talentos que desejamos ter em Microsoft”, diz Mary Ellen Smith, vice-presidente corporativa da firma.

Especialisterne no Brasil

Esta empresa social dinamarquesa tem escritórios em Austrália, Áustria, Brasil, Canadá, Dinamarca, Islândia, Noruega, Espanha e Estados Unidos.

Iniciou, aqui na América do Sul, suas atividades em novembro de 2015 em São Paulo, Brasil. A Especialisterne tem um convênio global com a SAP, a qual contratou 120 pessoas formadas no programa Autism at Work, sendo 6 delas no Brasil.

Na data de 10 de novembro deste ano, 2017, iniciará a formação da quarta turma na sua sede central em São Paulo.

Considerações

A ciência avança e com certeza, num futuro próximo, surgirão algumas discussões de ordem ética em relação à manipulação de genes humanos, do mesmo jeito que aconteceu na agricultura com a soja transgênica.

É claro que as corporações tecnológicas fazem investimentos com o intuito de obter algum benefício econômico no curto ou longo prazo que lhes permita manter sua hegemonia ou manter-se no lugar em que estão.

Google, por exemplo, faturou em 2010 a quantidade de 20 bilhões de dólares, o qual lhe permitiu ser considerada a empresa tecnológica mais valiosa do mundo, segundo o Instituto Brandz. Sendo que grande parte dessa receita é originada na publicidade exibida por eles através do Google Adsense.

Existem pessoas comuns e com traços autistas que ganham muito dinheiro trabalhando com a publicidade de Google Adsense.

Jonathan Taioba é um deles, e no seu curso online Segredos do Adsense ele explica o passo a passo como conseguiu construir seu negócio digital partindo do zero.

Taioba é considerado a máxima autoridade do Brasil em gerar receita através do Google Adsense.

Esta oportunidade de aprender com Jonathan Taioba pode ser de extrema importância para alcançar a liberdade financeira. Especialmente, no caso em que você tenha algum familiar com problemas especiais, o que pode limitar seu tempo para desenvolver um trabalho convencional.

Prezado amigo, não esqueça de compartilhar este post nas suas mídias sociais.

Referencias

Microsoft hiring program opens more doors to people with autism. Accesada en 01/10/2017.
Microsoft features the stories of their employees with autism. Accesada en 30/09/2017
Google teams up with a controversial research group to figure out autism. Accesada en 03/10/2017.
R. R. Grinker. 2010. Autismo, um mundo obscuro e conturbado
Especialisterne. Accesada en 02/10/2017.                                                                                                                            Austism Speak. Accesada en 03/10/20

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa